O que é estoque de segurança e como ele pode salvar meu negócio?

Em toda empresa ativa, que não apenas sobrevive no cenário do mercado, mas também cresce, é de extrema importância saber o que é estoque de segurança e como ele atua. Lidar com os produtos diariamente pode virar uma tarefa confusa se não houver um método organizacional aplicado com frequência.

O que é estoque de segurança responde por um desses métodos de organizar, além de possuir relação direta com a receita da empresa, no sentido de garantir lucro e evitar prejuízos desnecessários. É necessário estabelecer o quanto uma empresa precisa em seu estoque para manter o mínimo de seu funcionamento.

O que fica claro em relação ao que é estoque de segurança é sua ligação íntima com a ideia de que nada pode ser completamente previsto em uma empresa. O mercado flutua em suas tendências e as eventualidades podem acontecer, de forma que é preciso manter um estoque de segurança para que os negócios não parem e você tenham o seu lucro mensal salvo.

Veja a seguir com detalhes o que é estoque de segurança em seu conceito primordial, como funciona e como fazer isso em sua própria empresa. Conheça também o que é necessário para fazer o cálculo desse tipo de estoque e qual a sua fórmula.

Não deixe de conferir quais são os pontos positivos e negativos do que é estoque de segurança e quais são os métodos para salvar o estoque.

O que é estoque de segurança?

A insegurança, que decorre da imprevisibilidade de um negócio, deve ser mitigada de todas as formas possíveis. De maneira a nunca deixar que faltem itens a ponto de afetar a entrega de produtos aos clientes, o estoque de segurança foi criado.

Devemos entender esse tipo de estoque como uma medida de contingência diante de problemas que podem surgir para a empresa.

O que é estoque de segurança
Fonte/Reprodução: original

Sendo assim, o estoque de segurança se materializa quando uma empresa organiza um volume mínimo em seu estoque, de forma que ele nunca fique zerado em qualquer item. É uma medida contra o chamado stockout.

Obviamente, é necessário fazer um cálculo de quanto é preciso armazenar de cada produto. No entanto, esse valor nunca pode ser absoluto. É necessário colocar um “a mais”, de forma que o excedente responde pelo estoque de segurança, o que também é chamado de estoque mínimo.

Como funciona o estoque de segurança?

O que é estoque de segurança, por natureza, também está ligado com seu funcionamento. De fato, ao calcular um estoque de segurança, a ideia por trás disso é o excedente mínimo de produtos.

Não se faz um estoque mínimo para usá-lo, a não ser que ocorra um incidente ou um imprevisto.

Como funciona o estoque de segurança
Fonte/Reprodução: original

Por exemplo, um estoque de segurança pode funcionar, ser ativado, por se dizer, quando ocorre um atraso na entrega de determinados produtos. Assim, a saída não fica prejudicada quando se tem um estoque a mais para isso, de forma que a sua negociação com o cliente seja salva.

Em outro caso, quando a empresa simplesmente vende todo o estoque, é possível usar o estoque de segurança para que as vendas continuem.

No segundo caso, o estoque de segurança funciona para que a empresa se mostre capaz de atender às demandas dos clientes.

Quando fazer o estoque de segurança?

Por certo que, se o estoque de segurança está relacionado com eventos imprevisíveis, a melhor hora para montar o de sua empresa é quando não há certeza quanto às previsões da demanda próxima. Um mercado que se mostra muito volátil, como acontece em algumas épocas, é um bom indicador de que é preciso investir no estoque de segurança.

Já quando a empresa está prestes a lançar um novo produto, o estoque de segurança também pode entrar em ação. Não há ainda um parâmetro de demanda do produto inédito, que possa gerar um cálculo mais preciso de quantos itens devem ser armazenados.

Uma vez que a intenção é que o produto seja um sucesso, e que todos os esforços da empresa sejam feitos para que isso aconteça, é importante ter um estoque mínimo, com produtos em excedente para o caso de vender todos os produtos do estoque principal.

Como é calculado o estoque de segurança?

Agora, uma vez que fica entendido o que é estoque de segurança, sua importância e qual é o melhor momento para fazê-lo, é preciso saber como é feito o cálculo e qual a sua fórmula.

Antes de partir para o cálculo em si, é preciso lembrar que o ramo da logística criou várias fórmulas e métodos de cálculo. Aqui mostraremos o mais simples, através das variáveis mais conhecidas.

  • 1ª variável – Valor máximo do produto vendido em um dia
  • 2ª variável – Média da venda do produto em um dia
  • 3ª variável – Prazo máximo até que o produto seja entregue
  • 4ª variável – Prazo médio da entrega de cada produto

Como as variáveis mostram, o cálculo é feito sobre prazos e valores máximos e médios. Veja na fórmula a seguir de como tudo se encaixa para determinar o que é estoque de segurança para cada empresa.

Fórmula do cálculo de segurança

Para calcular com o uso das variáveis apresentadas, basta multiplicar a primeira e segunda e subtrair o resultado pela multiplicação da terceira e quarta.

Estoque de segurança = (Venda máxima em um dia x Prazo mínimo de entrega) – (Média de Vendas em um dia x Prazo médio de entrega).

Lembre-se que essa fórmula deve ser aplicada a cada item do estoque para determinar quanto é necessário de cada um. Para saber mais sobre o cálculo do estoque de segurança, Clique Aqui!

Pontos positivos do estoque de segurança?

Quando um cliente ouve que um produto está “em falta” é porque a empresa não soube aproveitar o estoque de segurança. Uma das maiores vantagens é evitar essa situação, também conhecida como quebra de estoque.

Outra vantagem tem ligação com o estoque de insumos. Ter um estoque de segurança desses itens pode significar uma economia em ocasiões nas quais os insumos estão mais caros.

Por fim, a terceira vantagem é que se a sua empresa tem um estoque de insumos de segurança e as outras não, isso faz com que sua produção seja barateada e a margem de lucros aumente de forma automática. Assim, a empresa sai na frente e se torna mais competitiva.

Pontos negativos do estoque de segurança?

É preciso mencionar que a montagem de um estoque de segurança também envolve potenciais riscos, que são verdadeiras desvantagens. Ter um estoque de segurança pode envolver gastos com locais de armazenamento e manutenção desses locais.

Via de regra, as empresas têm um estoque de segurança bem reduzido, para não incorrer nesses gastos.

Melhorando o estoque

No mais, vale a pena mencionar sobre as formas de otimizar o estoque, seja o principal, seja o de segurança. Confira a seguir como mudanças simples, contudo bem pensadas, podem fazer toda a diferença em sua margem de lucros.

Movimentos dos produtos

Saber exatamente quando cada produto entra e sai é a chave para montar um estoque bem organizado, planejado e em constante movimento. Há produtos cuja demanda é maior devido a uma determinada época ou até mesmo ações de marketing da empresa.

É necessário rastrear o máximo possível, com datas precisas, o fluxo de cada produto no estoque. Ao conhecer esse movimento, o que é estoque de segurança também se torna menos arriscado.

Reposição

Com o monitoramento cauteloso do fluxo de estoque, é possível prever quais são as épocas de reposição de cada item com o máximo de precisão possível. Assim, as compras se tornam mais programadas e isso organiza diversos setores da empresa que são envolvidos com a contabilidade e a logística.

Fornecedores de confiança

De maneira a conduzir um fluxo de estoque organizado, assim como a reposição de cada item, é preciso ter parceria com fornecedores de confiança. São empresas que cumprem prazos com afinco, não cometem erros com frequência e, em qualquer eventualidade, buscam resolver rapidamente os problemas de seus clientes.

Invista em tecnologia

Atualmente, o trabalho logístico pode ser realizado de forma otimizada através de softwares especializados em gestão de estoque. A tecnologia automatiza muitos processos, cálculos, e dá mais liberdade aos gestores para conduzir estratégias de logística cada vez mais eficazes.

Prazos e qualidade de entrega

Ter uma boa relação com bons fornecedores é vital para que a entrega dos produtos tenha qualidade e seja feita nos prazos acordados previamente. Quando isso acontece, sua empresa é capaz de realizar as próprias entregas no prazo combinado e com alta qualidade.

Agora que você já viu o que é estoque de segurança e sua importância para os negócios, não perca mais tempo e implemente hoje mesmo a prática da gestão de estoque otimizada em sua empresa!

Compartilhe:
cadastro-empresa-newsletter

Dicas e insights relevantes para auxiliar no crescimento do seu negócio!

    Deixe um comentário

    logo-cadastro-empresa-blog

    © 2013-2022 Cadastro Empresa

    Política de Privacidade

    Você já conhece nossas redes sociais?!