auditoria-de-fornecedores

A auditoria de fornecedores veio para verificar o cumprimento das bases legais, a respeito do fornecimento de produtos e serviços de uma empresa.

É importante ressaltarmos que a auditoria de fornecedores é realizada não somente por empresas terceirizadas, mas aquelas que atuam internamente, também!

Podemos definir a auditoria de fornecedores como uma “base”, a fim de que todos os processos que aceram a gestão de fornecedores sejam cumpridos e exercidos conforme o estipulado por leis e princípios.

Confira os tópicos ou navegue através do link direto:

    O que é uma auditoria de fornecedores?

    A auditoria de fornecedores é realizada a fim de garantir que “tudo está dentro do padrão de qualidade”, que foi planejado estrategicamente para que a empresa não cometa erros.

    Deste modo, o departamento de compras poderá responder se os custos da área de fornecedores possuem o melhor custo-benefício para empresa ou se há riscos.

    Além disso, o princípio de uma auditoria é que as leis sejam cumpridas conforme o previsto!

    ✔ Confira abaixo uma relação dos 6 princípios da auditoria de fornecedores:

    principios-da-auditoria

    Apesar de, de fato, parecerem que são muitos fatores a serem ponderados, esta é a melhor forma para garantir que tudo está correndo de acordo com as normas estabelecidas – e evitar que terceiros prejudiquem o seu trabalho.

    💡 Segundo a Consultoria ISO, a auditoria de fornecedores é realizada através da avaliação de contratos, prestação de serviços e de outras atividades, a fim de garantir que as relações estabelecidas estejam de acordo com as práticas estipuladas pela ISO 19011.

    Quais são seus benefícios?

    Dentre os principais benefícios de uma auditoria, destacam-se:

    • Proteção da imagem e dos produtos da empresa;
    • Garantia de condições de trabalho seguras em sua rede de fornecedores;
    • Identificação de potenciais riscos de qualidade que podem afetar diretamente os produtos e serviços da empresa;
    • Garantir que os produtos adquiridos são produzidos e/ou extraídos de acordo com as normas ambientais, de qualidade, de saúde e segurança, dentre outras;
    • Otimizar a gestão interna;
    • Obter uma vantagem competitiva.

    Etapas de uma auditoria

    A auditoria de fornecedores ocorre por parte de três lineares, sendo elas:

    • Homologação de fornecedores;
    • Avaliação do desempenho;
    • Monitoramento e reavaliação de certificados.

    Homologação de fornecedores

    No processo de homologação de fornecedores a empresa impõe condições, a fim de garantir o fornecimento dos produtos/serviços.

    Neste ponto é envolvido as diretrizes e a criação de ações predefinidas, que visam a otimização do tempo e recursos para garantir que o contrato esteja firme.

    Dentre as principais funções de uma homologação, destacam-se:

    • Vistoria para o cumprimento dos prazos nas entregas;
    • Vistoria para o cumprimento dos requisitos de qualidade das matérias-primas, insumos e demais produtos fornecidos;
    • Adequação às obrigações fiscais do setor de atuação;
    • Adequação de preço atraente;
    • Atualização de pedidos conforme a solicitação do comprador;
    • Assegurar apoio técnico quando necessário.

    E como ocorre a homologação?

    Em regra, esse processo deve passar por três etapas. Sendo elas:

    • Pré-cadastro: Momento em que o fornecedor estabelece o primeiro contato com a empresa;
    • Homologação: Verificação dos requisitos de adequação, a fim de saber se o fornecedor tem capacidade de atender a demanda e os critérios criados individualmente para essa relação;
    • Cadastro: Aqui, os dados dos fornecedores que passaram inicialmente na verificação, são lançados no sistema da empresa.

    Avaliação de desempenho

    A avaliação de desempenho dos fornecedores auxilia todas as empresas que querem garantir um negócio eficiente e dentro da lei.

    Com essa avaliação, muito provável que possíveis prejuízos sejam previstos antes de ocorrerem.

    Realizar uma avaliação regular é um dos pilares para que a empresa mantenha a qualidade da entrega de seus produtos e serviços sem desapontar seus clientes.

    Para realizar uma avaliação de desempenho, antes de mais nada é preciso observar e compilar quais indicadores são compatíveis com seus produtos/serviços.

    Somente dessa forma será possível avaliar o desempenho de seus fornecedores!

    Compilamos 6 principais indicadores para que você possa entender melhor:

    • Nível de entregas;
    • Taxa de devolução;
    • Tempo de resposta;
    • Saving financeiro;
    • Tabela de preço;
    • Pesquisa de satisfação.

    Segundo o diretor da DPSS (Consultants Ray Center) é possível avaliar os fornecedores a partir da metodologia de 10 C’s:

    1. Competency – Competência;
    2. Capacity – Capacidade;
    3. Commitment – Compromisso;
    4. Control – Controle;
    5. Cash – Dinheiro;
    6. Cost – Custo;
    7. Consistency – Consistência;
    8. Culture – Cultura;
    9. Clean – Limpeza;
    10. Communication – Comunicação.

    Monitoramento e reavaliação de certificados

    O monitoramento é essencial para a auditoria de fornecedores funcionar.

    É o monitoramento que será responsável por atestar que o fornecedor cumprirá com os requisitos propostos como o cumprimento de prazos, compras de acordo com o pedido e compatível com a nota fiscal, qualidade do material e entre outros requisitos fundamentais.

    Também poderá ser avaliado durante o monitoramento questões como atendimento, garantia, posição no mercado, preço e a localização.

    Além de todo o processo de monitoramento, é essencial que a empresa realize a reavaliação de certificados dos fornecedores.

    Essas avaliações são de extrema importância para que os documentos possam provar novamente que os fornecedores realizam o trabalho em conformidade.

    💡 As reavaliações acontecem, na maioria dos casos, de forma anual ou semestral. 

    Algumas empresas podem definir suas datas e métodos de forma personalizada, mas o importante é que realizem esse registro sempre que possível.

    Depois do monitoramento e da reavaliação de certificados, as informações poderão demonstrar uma análise bastante aprofundada sobre os riscos.

    Assim, é possível que a empresa construa planos para melhoria de todas as definições de metas e também indicadores. 

    Conclusão

    Todo mundo, em algum momento da vida enquanto consumidor, já passou pela situação de entrar em uma loja e ouvir do vendedor que o produto que procura está em falta no estoque.

    Essa deficiência no estoque pode ser ocasionada por diversas situações, uma das causas mais comuns é a gestão de fornecedores pouco organizada. 

    Por isso, a auditoria de fornecedores se torna algo cada vez mais necessário para empresas que desejam cortar custos, aumentar a produtividade e garantir melhor qualidade ao cliente final de seu produto ou serviço oferecido. 

    Nesse contexto, é possível entender que uma demanda com bons fornecedores causa impacto na qualidade e comprometimento com o cliente.

    É necessário contratar fornecedores com segurança, ao realizar todos os processos possíveis dentro da gestão, para que a melhor contratação seja feita e reflita diretamente na produtividade e também na satisfação de todos os clientes da empresa.

    Além disso, conciliar uma boa pesquisa de fornecedores pode evitar que a imagem da organização seja comprometida. 

    Boas parcerias,

    Abraço!

    Compartilhe:
    cadastro-empresa-newsletter

    Dicas e insights relevantes para auxiliar no crescimento do seu negócio!

      Deixe um comentário

      logo-cadastro-empresa-blog

      © 2013-2022 Cadastro Empresa

      Política de Privacidade

      Você já conhece nossas redes sociais?!