Como garantir uma margem de lucro saudável para o meu negócio?

Conseguir uma margem de lucro saudável é essencial para que um negócio floresça e cresça da melhor forma possível. Mas mesmo que seja uma atividade essencial para as empresas, isso nem sempre é levado em conta. Há tantos fatores e tanto estresse com os quais a gestão de uma empresa tem que lidar que muitas vezes a margem de lucro é impactada e demora bastante para o impacto ser notado.

Mas hoje estamos aqui para mostrar como é importante ter uma margem de lucro saudável e estável, além de como ela deve ser calculada, observada e fiscalizada rotineiramente para que seu negócio nunca seja ameaçado. Confira!



O que é a margem de lucro saudável?

Muitas empresas atualmente prezam por um lado social. Isso mostra que há uma tomada de consciência por parte de empresários que buscam trazer muito mais humanidade para seu negócio. Porém, mesmo as empresas voltadas para ações sociais ainda devem ter uma margem de lucro saudável para sobreviver.

Já para empresas com pontos de vista mais modestos e minimalistas, ter uma margem de lucro saudável é ainda mais essencial, e formam de certo modo o foco do negócio. Mas afinal, o que é ter uma margem de lucro saudável?

O que é a margem de lucro saudável
Fonte/Reprodução: original

Para empreender em um negócio temos que invariavelmente investir uma quantia, ou seja, gastar capital esperando que haja um retorno com a venda de um serviço ou produto. Basicamente é isso o que move toda e qualquer empresa no mercado.

Acontece que, muitas vezes, o dinheiro gasto na tentativa de produzir um bem ou produzir o serviço é muito alto, impactando assim o valor que a empresa “lucra” com suas vendas. Lembrando que o que pode impactar o lucro não é só o gasto com matéria-prima ou com profissionais, mas também com o aluguel de um imóvel, com a limpeza da empresa, com itens indispensáveis como computadores, papéis, manutenção de uma máquina caso necessitar etc.

Tudo isso entra como gasto para a empresa que deve ser em muito superado pela margem de lucro. Mas quanto de lucro? Falamos que o lucro é o suficiente para empresa quando chamamos esse lucro de margem de lucro saudável. A quantidade que uma empresa recebe por suas vendas após ser descontado do capital das vendas todo o gasto é o que considera-se como lucro.

Uma margem de lucro saudável vai depender dos anseios de cada empreendedor, mas há quem acredite que está na faixa dos 20%. Vale salientar que essa margem não é fácil de ser obtida, dependendo do negócio, então o mais importante é que ele cubra as necessidades do negócio e ainda gerem uma reserva.

Para que serve e como funciona a margem de lucro saudável?

Para ficar ainda mais claro como funciona a margem de lucro saudável, vamos colocar as coisas dessa maneira.

A margem de lucro é o resultado do ganho com as vendas depois de ser subtraído todos os gastos e despesas, lembrando que em gastos e despesas entra tudo, desde a matéria-prima, até o salário de funcionários, contas de energia e gastos com marketing ou transporte. Todo gasto da empresa deve ser considerado.

Mas tudo isso não pode ser simplificado de modo grosseiro, pois há muito a ser discutido a respeito da margem de lucro. Pois, se por um lado ela não pode ser muito baixa para que a empresa não fique em maus lençóis, ela também não pode ser muito alta para que o público da empresa se sinta lesado e considere o seu produto caro.

Então uma margem de lucro saudável é por vezes um grande desafio. Mas é bom deixar claro que uma boa margem de lucro é absolutamente vital para que um negócio se torne não só vivo, mas também rentável.

Em qualquer país do mundo há períodos de inflação e movimentações no mercado que praticamente obrigam as empresas a estarem preparadas para lidar com esses períodos de crises financeiras. Uma empresa que esteja com maus resultados nesses períodos corre sérios riscos de não se manter de pé.

Além disso, geralmente a gestão de uma empresa inclui o aumento da mesma. Mesmo que um empreendedor seja extremamente modesto em seus sonhos e planos, ainda assim no geral ele quer pelo menos ter condições de trabalho melhores do que tem hoje.

Mas sem margem de lucro saudável o crescimento está simplesmente fora de cogitação. Tudo isso contribui muito para a importância do lucro em uma empresa. Esse cenário se torna ainda mais catastrófico se uma empresa tem funcionários, afinal um trabalhador quer sempre condições melhores de trabalho.

A empresa deve sempre investir em seus colaboradores, para que trabalhem felizes, motivados e se vejam como parte de um empreendimento no qual acreditam e tem perspectiva de crescimento. Mas para isso é necessário também um bom lucro, que seja o suficiente para bancar a vida da empresa, e investir em melhores condições para os colaboradores.

E, por fim, o seu próprio produto. Os produtos de uma empresa devem ser atualizados continuamente para que seus clientes sintam que determinado produto vale a pena. Mas como investir em produtos melhores sem capital? A margem de lucro saudável entra novamente em pauta, sendo absolutamente necessária se uma empresa quer dar o melhor possível para o seu cliente.

Como é possível ter uma boa margem de lucro saudável em meu negócio?

Uma margem de lucro saudável é essencial para um negócio funcionar. Porém, como comentamos, ela não é uma tarefa fácil. É preciso conciliar no valor do produto as vontades e realidade do consumidor, com a necessidade de lucro por parte da empresa. Isso faz da margem de lucro saudável um verdadeiro quebra-cabeças e é necessário muito jogo de cintura para lidar com essa situação.

Há muitas estratégias que devem ser implementadas para garanti-la. Reduzir custos sem impactar na qualidade do produto é essencial, então criar rotinas, padronizar uma linha de produção ou serviço, criar um sistema de correção de erros, que evitem gargalos na empresa é essencial.

Como é possível ter uma boa margem de lucro saudável em meu negócio
Fonte/Reprodução: original

Assim você evita gastos em toda sua estrutura organizacional e consegue uma margem de lucro saudável com muito mais facilidade. É quase garantido que se uma empresa investir em uma boa fiscalização em seus processos internos verá que há inúmeras oportunidades de melhorias.

Não exatamente na melhora do produto final, embora seja sim possível, mas na melhoria na totalidade do processo de produção. Muitas indústrias e empresas no mercado, na produção do seu produto ou serviço acaba tendo um verdadeiro desgaste em sua estrutura organizacional.

Com desgaste não nos referimos apenas a possíveis processos a serem melhorados, mas ao puro e simples gasto desnecessário. Uma máquina que poderia funcionar gastando menos energia, uma matéria-prima que poderia ser melhor aproveitada, práticas de estoque que garantem a segurança da matéria-prima e do produto final, e outra série de aspectos que visam economizar mais e reduzir os gastos de uma empresa.

Procurar também no mercado por melhores fornecedores pode ser uma boa saída para conseguir uma margem de lucro maior e evitar gastos. Afinal, os fornecedores também competem entre si e você pode acabar encontrando, em alguma pesquisa, fornecedores com um produto de qualidade e com um preço mais acessível ou até mesmo abaixo da média. Claro, sempre procurando não comprometer a qualidade do produto.

E falando de parceiros no mercado, outro método de economizar para que uma margem de lucro saudável seja atingida é escolher as melhores empresas terceirizadas, seja para transporte, limpeza ou como suporte de TI. Vale tudo para garantir uma margem de lucro melhor no mercado.

Outra aposta para conseguir uma margem de lucro saudável é no atendimento ao cliente. Se você não pode diferenciar seu produto para não impactar nos custos e, por isso, ficar ainda mais longe de uma boa margem de lucro, você pode aumentar o nível do seu atendimento sem gastar muito, simplesmente treinando seu pessoal para que os profissionais de sua empresa possam ser um grande diferencial no mercado.

Muita gente ainda dá preferência ao bom atendimento, sobre menores preços, ao realizar suas compras. Então aproveite esse fato e ofereça um atendimento diferenciado em sua empresa!

Qual a margem de lucro ideal para o meu negócio?

Falar de margem de lucro saudável ideal é um tanto difícil. Há inúmeros fatores que podem determinar que uma margem de lucro em determinado lugar é ideal, mas em outro não tanto.

Isso porque embora o lucro, necessariamente, leve em consideração os gastos e as vendas de uma empresa, pode não ser suficiente para aquele empresário específico, seja porque ele precisa de mais investimentos para lidar com outros negócios ou porque ele mesmo tem um estilo de vida mais caro e precisa gastar mais.

A verdade é que fica difícil dar uma margem de lucro aceitável não atenderá a todos, mas há algumas referências. Depende também sempre dos planos de uma empresa e das condições do próprio dono.

Pode ser que para determinado empresário os planos sejam de expansão dos negócios, logo, para ele a margem de lucro saudável deve ser realmente maior, assim ele pode fornecer os recursos para os negócios que tem atualmente ao mesmo tempo que reserva uma parte da verba para os negócios futuros.

Mas no geral é dito que quando uma empresa vende serviços a sua margem de lucro ideal é de cerca de 30% a 20%. Já comércios têm uma margem de lucro menor, cerca de 10% a 20%. As indústrias são as que menos lucram, no geral, tendo uma margem que chegam a 7% até 12%.

Lembrando que esses valores são meras referências e que podem estar em desacordo com o seu negócio e sua realidade. Mas servem como uma ótima base se você tem alguma dúvida e está com dificuldades para saber se seu negócio está dando um lucro razoável ou não.

Como calcular uma margem de lucro?

Falamos sobre a margem de lucro saudável ideal vai variar para cada negócio. Mas você pode estar se perguntando: como chegar a esse resultado em porcentagem? Na verdade, não há nenhum segredo e a conta é bastante fácil.

Vamos supor que você tenha uma empresa que fabrica lâmpadas, e sua receita é de R$40.000,00, já a soma de todos os seus gastos é de R$25.000. Ótimo! Já temos o que é necessário para nossa conta, agora só basta realizar as operações para conseguirmos chegar até a porcentagem de sua margem de lucro.

Primeiro devemos realizar a operação 40.000 – 25.000 para chegarmos até o lucro. O resultado é 15.000. Após isso basta dividir o resultado que chegamos, 15.000 por 40.000 da receita total e então multiplicar por 100 para chegar até a porcentagem. Ficaria assim:

15.000/40.000 x 100 = 0,37 %. Se nossa empresa é do ramo industrial, ela fabrica lâmpada, podemos constatar que a margem de lucro ideal para esse negócio é de 2% até 7%, lá na descrição que passamos acima. Ou seja, infelizmente nossa hipotética empresa está indo muito mal no mercado e está na hora de começar a apostar em práticas de lucro melhores.

Entendeu como é simples calcular a margem de lucro saudável para empresa? Caso você tenha um negócio, não deixe de fazer esse cálculo importante para saber em que pontos sua empresa pode melhorar, sempre indo em direção ao crescimento e prosperidade e, claro, adquirindo cada vez mais uma margem de lucro maior para sua empresa!

conheça o cadastro Empresa

© 2013-2024 Cadastro Empresa

Política de Privacidade

Você já conhece nossas redes sociais?!